Quem somos

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up

Eu sou a Mylena ou My, caso vocês prefiram me chamar assim e estou com 19 aninhos de idade. Atualmente sou ruiva, mas sou dessas pessoas que gostam muito de mudar, cada dia que acordo quero vestir, ouvir, viver algo diferente. Talvez isso seja uma das minhas principais características. Já fui muito tímida, mas com o tempo consegui superar isso e hoje me considero mais extrovertida e consigo fazer o que eu tenho vontade sem aquela necessidade de querer agradar todo mundo.

Uma das coisas que me ajudaram muito a trabalhar essa timidez e principalmente a adquirir autoconhecimento tanto mental quanto corporal, foi o teatro. Foi no palco que eu descobri que eu posso ser quem eu sou de verdade e me aceitei. Para mim, o teatro trouxe a liberdade de ter mil faces e ser quem eu quiser. Todo esse trabalho de autoconhecimento e algumas pesquisas que eu fiz junto ao meu grupo para realizar peças, me trouxeram um interesse muito grande para a área da psicologia e então eu decidi fazer este curso na faculdade.

O que eu mais gosto de fazer é criar coisas, tanto que nas minhas horas vagas eu sempre escolho fazer algo que seja relacionado a arte. Eu faço curso de teatro. Eu adoro cozinhar. Também gosto muito de artesanato. Gostaria de aprender a cantar, dançar, desenhar e ter um conhecimento em todas as áreas artísticas.

No fim das contas, eu sou uma adolescente normal, cheia de sonhos, dúvidas, crises existenciais, mágoas. Tem dias que acordo querendo viajar o mundo e viver intensamente e dias que só quero que chegue logo a hora de dormir de novo. Mas no fundo eu só quero ser feliz.

 

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up e atividades ao ar livre

Meu nome é Viviane. Mas me chamem de Vivi, Vivis, enfim… Viviane é muito formal e isso é ruim levando em conta minha cara de séria. Nasci em 1998. Sou tímida, o que pode ser controverso pois, como diz minha mãe, falo pelos cotovelos. Já fui muito tímida ao ponto de ficar num canto isolada, lendo um livro qualquer que peguei na biblioteca da escola ou apenas olhando as pessoas se divertirem. Não consigo muito bem me expressar com palavras faladas, muitas vezes prefiro papel e caneta para dizer aquilo que penso e não é uma habilidade escrever sobre mim.

Por mais que eu goste de cores vibrantes e alegres, uso tons de cinza e preto nas minhas roupas e gosto de expor meu lado feliz nas cores dos meus batons. Minha timidez foi aos poucos deixando de ser um problema depois que eu comecei a encarar minha vida de frente e ter minhas próprias responsabilidades, caminhar com minhas próprias pernas. Foi buscando textos, pesquisando, nas minhas terapias e até mesmo observando o comportamento das pessoas que me interessei pela psicologia. Porém curso Enfermagem, ela sim é minha profissão/paixão.
Eu adoro trabalhos manuais, o que me leva a ter uma grande paixão por artesanato. É assim que eu consigo desviar minha cabeça de maus pensamentos e me sentir bem. Gosto de cantar bem alto uma música quando estou estressada, isso faz com que a energia negativa saia do meu corpo e a paz volta a reinar.
Já tive problemas com meu corpo, meu jeito de ser, minhas qualidades e até mesmo meus defeitos, foi tentando me encontrar que eu descobri que ainda estou perdida, porque o que eu mais queria era chegar até a felicidade, e para minha surpresa, a felicidade não está na chegada, mas sim na caminhada. A felicidade não pode ser constante, ela depende de outros sentimentos para ser especial.
Sou uma eterna criança, que quer se divertir e ver o lado bom das coisas. Que ri e chora na mesma intensidade. Mandona, “do contra”, autoritária e muito dramática, às vezes meiga e um pouco carinhosa, de um jeito estranho. Adoro crianças e animais, observar a natureza, ver o sol se pôr, flores, assistir filmes de romance, musicais e até comédia romântica adolescente.
Enfim, sou apenas uma jovem comum, cheia de paranoias e medos, que só quer viver cada dia como se fosse o último, sem deixar nada para depois, porque o depois pode não chegar, tenho fé nas crianças e acredito que qualquer pessoa pode mudar o mundo, ou pelo menos o seu mundo individual.

Flor Urbana

O blog surgiu a partir de uma conversa em que nós descobrimos que tínhamos desejos em comum, o que se resume em uma vontade muito grande de comunicar algo. Queríamos falar de nossos problemas e também ouvir o que as pessoas tem a dizer. Compartilhar o que gostamos de fazer como: trabalhos manuais, escrever, cozinhar, cuidar dos nossos cabelos, unhas, pele. Agregando de alguma forma na vida de pessoas, assim como muita gente agrega em nossas vidas.

Primeiramente a gente criou um canal no Youtube com o mesmo nome e decidimos criar um blog para assim dar o apoio que os vídeos precisariam para que o trabalho ficasse completo. Então podíamos compartilhar textos mais detalhados, com opiniões sinceras e também alguns trabalhos autorais sobre como enxergamos a vida.

Mas vocês devem estar pensando o porquê de a gente ter escolhido esse nome, e nós explicamos. A nossa primeira ideia foi aderir o nome “testando” e aproveitar o gancho para fazer posts testando coisas que a gente nunca usou, compartilhando a nossa primeira impressão sobre elas. Porém não foi uma ideia tão original quanto pensávamos e já existem muitos blogs e canais com o mesmo nome ou algo genérico.

Então a gente começou a estudar os significados das palavras para realmente criar algo diferente. Numa conversa surgiu o assunto flores e na pesquisa a palavra “urbana”. Por que não “Flor Urbana”? A sonoridade era boa e não era tão popular quanto “testando”. E o que significa? Significa muita coisa, vamos para outro parágrafo para esse aqui não ficar muito grande.

Flor: “Flor é o órgão de reprodução das plantas, é a parte de onde sairá a semente ou o fruto.

A flor é símbolo da beleza feminina. Pelo fato de murcharem depressa, também podem simbolizar a inconstância e efemeridade da vida.

Pelo seu perfume, beleza e variedade de cores, as flores são cultivadas para ornamentar, presentear e, com uso menos frequente, na culinária.

As flores estão repletas de simbologia. No mundo elas podem simbolizar jovialidade, energia, nova vida e vitória sobre a morte. As flores são também usadas na decoração de grandes eventos para transmitir algum significado específico. Por exemplo, nos casamentos, as flores levadas pelas damas de honra são uma alusão à feminilidade e fertilidade. Como as flores dependem do sol, elas também estão associadas a ele. Muitas pessoas acreditam que as flores expressam a felicidade de Deus quando elas brotam na Primavera. ”

Resultado de imagem para flor de laranjeira
Flor de laranjeira

Urbana: “Urbano tem origem no Latim “urbanus” que significa “pertencente à cidade”. Urbano é tudo aquilo que está relacionado com a vida na cidade e com os indivíduos que nela habitam, por oposição a rural”

“O estilo urbano de ser e viver é representado por pessoas citadinas, ativas, modernas, com bom nível de educação, que estão a par das novidades em tecnologia e moda”

Resultado de imagem para avenida paulista noturna
Avenida Paulista noturna

Flor Urbana, natureza na cidade, inconstância da modernidade, luz em meio ao caos, mulher moderna que sabe aonde quer chegar, existem várias interpretações, você escolhe a sua, nós gostamos de todas.

Anúncios